Madeira 2012 ‹ Congresso Madeira 2012



Madeira 2012

Home / Madeira 2012


O som da madeira

 

Além de abordar o desenvolvimento econômico sustentável da indústria de base florestal e de geração de energia, o congresso internacional Madeira 2012, que será realizado em junho em Vitória (ES), terá uma atração à parte: a mostra Madeira & Sons. Já confirmaram presença a Fábrica de Pios de Aves “Maurílio Coelho”, de Cachoeiro de Itapemirim, e o Instituto Preservarte, de João Neiva.

 

A centenária fábrica de pios é uma tradição em Cachoeiro. Fabricados a partir de madeira, os pios imitam o canto dos pássaros e atualmente são usados como instrumentos de percussão, como souvenir e também por observadores de aves, para atrair as respectivas espécies. É uma das muitas formas de extrair som da madeira.

 

Também extraindo som da madeira, o Instituto Preservarte produz artesanalmente instrumentos musicais, como violinos, violões, ukuleles (instrumento de origem portuguesa popularizado no Havaí) e arcos para instrumentos de corda friccionados (violinos e outros). Os instrumentos são feitos a partir de madeira de reaproveitamento e de florestas de manejo sustentável.

 

O Congresso – O Madeira 2012 será realizado nos dias 28 e 29 de junho e tem como patrocinadores o Governo do Espírito Santo, Cenibra, Sebrae, Suzano, ArcelorMittal, Fibria, Petrobras e Findes. “Competitividade, sustentabilidade e oportunidades” é o tema do evento, que está em sua sexta edição e pela primeira vez será realizado no Espírito Santo, tendo o governador Renato Casagrande como presidente do seu Conselho Empresarial & Científico. O Madeira é promovido bienalmente pelo Instituto Besc de Humanidades e Economia, sediado em Belo Horizonte (MG). ­­

 

Saiba mais:

 

Fábrica de Pios de Aves “Maurílio Coelho”

Fundada em 1903 em Cachoeiro de Itapemirim (ES), a fábrica de Pios de Aves está sendo administrada pela quarta geração da família Coelho. Os pios são instrumentos de sopro confeccionados em madeiras especiais, usados para reproduzir som de aves no intuito de atraí-las.

Até os anos 60, eram utilizados somente para caça, o que hoje não é mais permitido. Porém, devido à sua rara beleza e importância num contexto histórico do país, esse curioso invento ganhou um novo mercado composto por: observadores de aves e fotógrafos da natureza, percussionistas e sonoplastas de todo o mundo, colecionadores, além de serem utilizados como brindes vips (suvenir), brinquedos ecológicos, instrumentos terapêuticos (musicoterapia) e até usados por biólogos (ornitólogos) na localização de espécies nos levantamentos de áreas.

 

Instituto Preservarte

Localizado em João Neiva (ES), o Instituto Preservarte é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, com o título Federal de Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP. Desenvolve projetos sociais, culturais e ambientais utilizando como meio a educação cultural através da música, nos seguintes projetos: 102 Vivace, Preservarte, Orquestra de Câmara, Concertos Didáticos, Concertos de Natal, Musicalização Infantil, Educação Ambiental, Trabalharte, Capoeira, Encontro Internacional de Luteria, Violão, Coral Bem Viver, Museu, Amigos da Justiça e Instrumentos para todos.